Scroll Top

Saúde

Como evitar a perda da memória e o mal de Alzheimer fazendo este exercício todas as noites antes de dormir!

Alzheimer tem cura?

cerebro_-_exercicio_1

Esta doença se caracteriza pela perda progressiva da maioria das capacidades da pessoa. A verdade é que o cérebro tem um poder grandioso e, como qualquer outro músculo, deve ser treinado. Se treinarmos o cérebro corretamente, iremos mais longe na vida.

Acredita-se que podemos evitar a perda da memória na velhice e até doenças como o mal de Alzheimer se colocarmos o cérebro para trabalhar.

Infelizmente, trata-se de uma doença degenerativa que ainda não encontramos a cura. Não é por causa disso que vamos nos entregar, não é mesmo?

A medicina natural tem um exercício simples que estimula o cérebro, que deve ser visto como um jogo e não uma tortura. Ele funciona da seguinte forma: antes de dormir, deite-se na cama e lembre-se de tudo o que você fez desde que se levantou pela manhã.

Faça isso, de preferência, de olhos fechados, mas cuidado para não dormir. Você tem que se esforçar para lembrar de todos os detalhes – quanto mais minuciosos, melhor.

Este exercício simples ajudará na preservação da memória, atenção e consciência. Ele deve ser feito todos os dias, de preferência.

E pode ser praticado por pessoas de todas as idades – quanto mais cedo começar, melhor. Além disso, para melhorar a saúde do sistema nervoso é muito bom ouvir música clássica, jazz ou melodias relaxantes.

Os pesquisadores dizem que a música coloca a mente em ordem. Isso exige esforço e disciplina, mas vale a pena, é claro. Afinal de contas, precisamos fortalecer os nervos, manter os vasos sanguíneos saudáveis e melhorar a memória.

Tratamento natural para Alzheimer

O tratamento natural apenas complementa o tratamento medicamentoso e inclui:

  • Colocar canela nas refeições, pois inibe o acumulo de toxinas no cérebro;
  • Comer alimentos ricos em acetilcolina, pois têm função de melhorar a capacidade de memória, que é afetada nesta doença. Conheça alguns alimentos em: Alimentos ricos em acetilcolina;
  • Ter uma alimentação rica em antioxidantes, como vitamina C, vitamine E, ômega 3 e complexo B, presentes em frutas cítricas, cereais integrais, sementes e peixes.

Além disso, pode-se preparar alguns sucos com alimentos antioxidantes como suco de maçã, uva ou goji berry, por exemplo.

SIGA O NOSSO INSTAGRAM ➜ https://www.instagram.com/_receitasnaturais/

Suco de maçã para o Mal de Alzheimer

O suco de maçã é um excelente remédio caseiro para prevenir e complementar o tratamento do Alzheimer. A maçã além de ser uma fruta deliciosa e muito popular, ajuda a aumentar os níveis de acetilcolina no cérebro, o que combate a degeneração cerebral causada pela doença.

Ingredientes

  • 4 maçãs;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo

  • Cortar as maçãs ao meio, retirar todas as sementes e adicioná-las no liquidificador juntamente com a água. Após bater bem, adoçar a gosto e beber logo de seguida, antes  que o suco fique escuro.
  • Recomenda-se beber pelo menos 2 copos deste suco todos os dias, para melhorar a memória e todo o funcionamento cerebral.

ENTRE NO NOSSO GRUPO NO TELEGRAM AQUI

Conheça 20 sinais precoces do mal de Alzheimer

Perda de memória
Você esquece o tempo todo onde colocou as chaves? Talvez seja simplesmente desligado por natureza. No entanto, se o caso é que você esquece frequentemente acontecimentos recentes ou informações recentemente aprendidas, a sociedade do Alzheimer do Canadá adverte que pode haver uma chance de que você esteja desenvolvendo a doença.

Dificuldade de realizar tarefas diárias
Você desaprendeu a usar a lavadora de louça? Cozinha um prato que você sabe fazer se tornou um desafio? Não sabe mais nem os movimentos básicos de escovação dos dentes? Um dos sinais precoces mais comuns que o Alzheimer dá é a dificuldade de desempenhar atividades cotidianas. Se você se identifica ao ler isso, melhor ver logo um médico.

Dificuldade me se expressar
Ter dificuldade ocasional de encontrar a palavra correta não implica necessariamente em ter o mal de Alzheimer. Entretanto, se você enfrente problemas com a linguagem (como a dificuldade de terminar frases, o esquecimento de coisas muito simples ou erra o nome de objetos etc.), o que acaba tornando difícil que seus amigos e familiares o entendam, isso pode indicar que está com um risco maior de contrair o Alzheimer.

Desorientação
Um dos sinais precoces mais comuns do Alzheimer é a desorientação. Quem sofre da doença pode esquecer que dia é hoje. Outros podem acreditar que estão vivendo em um outro período no tempo ou encontram dificuldade de saber onde estão. Tais sinais não devem ser encarados com displicência e requerem atenção médica urgente.

Decisões equivocadas
Se você suspeita que tem Alzheimer, seu médico provavelmente vai avaliar quão confiáveis são as decisões.
O que são exatamente más decisões? Colocar várias camadas de roupa para sair no meio de uma onda de calor ou o contrário, vestir apenas uma bermuda e uma camiseta em dias frios de inverno são comportamentos típicos de gente que sofre de demência.

Perda da capacidade de fazer contas
Cometer um erro de tempos em tempos quando trabalha em uma planilha de gastos é normal. Nem todo mundo é um gênio da matemática.

Mas é o momento de se preocupar se você não tem mais capacidade para fazer contas muito simples. Segundo a Alzheimer’s Association, um dos sinais precoces do Alzheimer é a dificuldade extrema de lidar com números.

Perder a capacidade de seguir um plano
Algumas pessoas enfrentam dificuldade de seguir um plano, mais isso não implica necessariamente em risco de desenvolver o temido mal de Alzheimer. Entretanto, aqueles que têm o risco de contrair a doença neurodegenerativa experimentam grande dificuldade de seguir cronogramas simples em suas atividades diárias. Por exemplo, a incapacidade de seguir uma receita de cozinha.

Coloca coisas no lugar errado
Quem tem risco de ser diagnosticado com o mal de Alzheimer tende a guardar, com frequência, coisas nos lugares errados. Por exemplo, louças sujas na máquina de lavar roupas ou as roupas na lavadora de louças. Depois se sentem perdidos quando não conseguem encontrar suas coisas.

Não se reconhecer mais no espelho
A sua imagem no espelho parece ser de um estranho? É bom fazer uma visita ao médico, trata-se de um sintoma precoce típico do Alzheimer.

Problemas de visão
Ter problema de vista relacionado com a idade e necessidade de usar óculos é absolutamente normal nas vésperas dos 40 anos. Mas a Alzheimer’s Association adverte que perder a capacidade de ler, avaliar distâncias e reconhecer cores não é normal e precisa ser investigada.

Ter o desejo de se isolar
Deixar de frequentar a academia mesmo quando se está matriculado e tem uma carteirinha não significa necessariamente risco de Alzheimer. Como muitos, talvez você só esteja com um baixo nível de motivação para treinar.

Por outro lado, aqueles que sofrem de Alzheimer tendem a se isolar devida à sua dificuldade de pertencer a um grupo. Eles vão gradualmente abandonando atividades sociais que antes apreciavam e passam a achar desagradável a companhia de outros.

Mudanças de comportamento
Variações de humor são normais e podem ser causadas por uma série de coisas. Na maioria das vezes, trata-se de uma questão transitória, e geralmente tudo acaba equilibrado no final. Noutras vezes, entretanto, tais variações podem indicar uma condição subjacente mais séria. Quem vive com o mal de Alzheimer geralmente experimenta mudanças bruscas de humor. Tende a se sentir triste, logo em seguida alegre e depois calmo e ansioso, tudo em uma questão e segundos e sem razão aparente.

Transformação da personalidade
Seus amigos não o reconhecem mais? As pessoas mais próximas notam uma transformação extrema na personalidade? Talvez seja o momento de visitar um profissional de saúde mental para ser avaliado. Em alguns casos, quem sofre de Alzheimer pode experimentar mudanças da personalidade. Por exemplo, uma pessoa extremamente extrovertida pode do nada virar expansiva ou vice-versa.

Baixa motivação
Ao mesmo tempo em que uma queda na motivação pode não ser um sinal de Alzheimer (as causas podem ir da fadiga até a depressão), a ocorrência não deve ser tratada com displicência. Se o baixo entusiasmo persistir e começar a ter impacto negativo na sua qualidade de vida, fale com um médico sobre o assunto.

Diminuição da espontaneidade
O fato de você ser criticado pelo seu chefe por ter pouca iniciativa não implica necessariamente em ter Alzheimer. Algumas pessoas simplesmente são mais passivas que outras.

No entanto, se você notou que se tornou menos espontâneo que um dia foi ou não mostra mais iniciativa em determinadas áreas a sua vida, é bom marcar uma consulta com o seu médico de confiança. O Instituto Nacional do Envelhecimento do Canadá diz que isso pode ser um sinal precoce do desenvolvimento de Alzheimer.

Redução da energia
A fadiga geralmente acompanha muitos problemas de saúde como uma gripe, por exemplo. No caso do Alzheimer, sentir a perda de energia é uma ocorrência dos primeiros estágios da doença e dura em média dois a quatro anos. Qualquer causa que tenha a sensação de fadiga sem explicação sempre requer atenção médica.

Problemas motores e de coordenação
Pacientes com mal de Alzheimer moderado às vezes enfrentam problemas de coordenação. Eles perdem sua habilidade de usar certos objetos do dia a dia ou experimentam dificuldade em escrever. Dito isso, pessoas que sempre tiveram problemas de coordenação e que nunca apresentaram a melhor caligrafia não estão necessariamente com risco de ter Alzheimer.

Dificuldade de dormir
A dificuldade de se conciliar o sono são uma luta para muitas pessoas que vivem com Alzheimer, condição que é acompanhada em geral por outros sintomas descritos nesta galeria.

Ter ideias estranhas
Durante os primeiros anos da doença, alguns pacientes de Alzheimer relatam pensamentos estranhos. Eles podem, por exemplo, interpretar mal as intenções dos outros. Pode ser, por exemplo, a percepção de que a enfermeira vai fazer algum mal quando está apenas cuidando ou que o médico vai “manipular sua cabeça”.
Note que algumas outras doenças, como por exemplo a esquizofrenia, são caracterizadas por este sintoma.

Sentir que já não tem controle sobre a via
Antes da manifestação dos sintomas mais sérios, algumas pessoas nos primeiros estágios o mal de Alzheimer percebem uma iminente perda de controle sobre suas vidas. Sem um diagnóstico, este sentimento permanece sem explicação, o que causa uma enorme frustração.

Se você acha que pode ter o Alzheimer ou tem qualquer outro tipo de preocupação a respeito de sua saúde, procure o médico.

Por fim, Veja também: Como fazer limpa piso milagroso: mistura caseira para deixar sua casa brilhando

Conhece o canal do RECEITAS NATURAIS no Youtube? Lá temos vídeos de alguns artigos publicados no site, todos originais feitos exclusivamente para você.

E aí, você gostou de conhecer Como evitar a perda da memória e o mal de Alzheimer fazendo este exercício todas as noites antes de dormir!? Temos certeza que sim, por isso, corra agora mesmo e compartilhe este artigo com seus amigos e familiares. Até o próximo artigo.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.