Home / Pele / Tratamento para estrias brancas e vermelhas

Tratamento para estrias brancas e vermelhas

As estrias são lesões da pele em forma de linhas que ocorrem devido a fatores hormonais e a um rápido crescimento ou ganho de peso. Estas cicatrizes são muito comuns e não causam nenhum problema médico significativo, mas podem ser motivo de preocupação estética para algumas pessoas.

 

Tratamento para estrias brancas e vermelhas

As estrias assombram a vida das mulheres em todo o mundo. O bumbum, seios coxas e barriga são seus alvos preferidos, mas ocorrem também nos braços e batatas da pernas com freqüência.

Lesões decorrentes da ruptura das fibras de colágeno e elastina da pele, as estrias aparecem em qualquer região do corpo, principalmente nas áreas de maior tração como coxas, seios, bumbuns, abdômen (gravidez) e tronco (homens – sim eles também são atormentados por elas). Estas áreas estão relacionadas ao crescimento, no caso dos adolescentes; gravidez e hipertrofia muscular no caso de praticantes de halterofilismo.

Ainda há que se considerar outros fatores como o efeito sanfona, crescimento rápido e desequilíbrio hormonal, os quais favorecem o aparecimento destas marcas indesejáveis.

Estrias Vermelhas

Indicam a primeira fase do processo: o estiramento excessivo da pele leva à ruptura das fibras, causando um processo cicatricial que inicialmente tem uma aparência avermelhada, pois há ainda presença de circulação local.

A atenção com o próprio corpo é fundamental para se detectar o problema ainda nesta fase. O fato de serem recentes permite a aplicação de tratamentos com melhores resultados. Um auto-exame corporal minucioso, uma vez por mês, ajuda na prevenção e deve ser realizado por pessoas em qualquer faixa etária.

Havendo a constatação de estrias vermelhas, a pessoa deve hidratar o local e fazer esfoliação. Esses procedimentos irão ajudar na contenção do processo até a consulta com um médico de confiança, a qual deve ser agendada o mais breve possível.

Estrias Brancas

Essa é a sinalização do corpo de que a estria já está instalada. Nesta fase já ocorreu o comprometimento da circulação local e se consolidou um processo de fibrose. Uma vez instaladas, as estrias não serão mais removidas por se tratarem de cicatrizes. Os cuidados nesta fase serão no sentido de suavizá-las e evitar o aparecimento de outras.

Os tratamentos contra estrias

Tanto para as estrias recentes como para as já instaladas, o tratamento vai dispor das mesmas técnicas, a quantidade de sessões e a combinação de protocolos é que varia.

O objetivo principal dos tratamentos vai ser preencher as estrias com a formação natural de novas fibras de colágeno. Mesoterapia, Carboxiterapia, Dermoabrasão, Peelings e Laser são combinados de maneira a suavizar as estrias antigas. A Mesoterapia vai acelerar o metabolismo local, enquanto a Carboxiterapia e o Laser melhorarão as condições circulatórias do local da aplicação, estimulando a produção do colágeno da pele. A Dermoabrasão é um procedimento cirúrgico que irá promover uma esfoliação vigorosa, causando efeito tensor e clareador, homogeneizando a textura local. Os Peelings Corporais farão uma hidratação muito profunda, acelerando também a renovação celular.

Esses tratamentos deverão ser indicados por um médico especialista, o qual saberá dosar cada tratamento para obtenção do melhor resultado.

Os preços dos tratamentos contra estrias

Em São Paulo, o custo da sessão para tratamento de estrias varia de R$ 100,00 a R$ 400,00 numa sessão de laser, por exemplo. Já a Carboxiterapia pode variar entre R$ 80,00 a R$ 200,00 a sessão. A Dermoabrasão e os Peelings Corporais variam de R$ 2.000,00 a R$ 4.000,00 e R$ 100,00 a R$ 500,00, respectivamente. O número de sessões varia de acordo com a profundidade e quantidade de estrias a serem tratadas por área.

Para quem não está com o bolso preparado para enfrentar esses tratamentos, o ideal é que se faça uma esfoliação vigorosa da região com estrias duas vezes por semana e que se use cremes a base de vitamina A, óleo de amêndoas e extrato de uva. Não se deve deixar de, em hipótese alguma, usar o filtro solar.

A prevenção de estrias

Já percebemos que os preços de tratamentos são salgados, por isso o melhor – para quem ainda não tem – é investir na prevenção:

-Utilize cremes hidratantes corporais diariamente;

-Faça uma aplicação de esfoliação corporal por semana;

-Pratique regularmente atividades físicas;

-Evite banhos longos e muito quentes. Evite o uso diário de esponjas;

A Maquiagem Emergencial

Com o verão e as férias batendo à porta, muita gente precisa de uma solução rápida para disfarçar as estrias quando coloca uma roupa de banho ou algo mais decotado e curto. Para tanto, a dica é utilizar Filtros Solares com base tonalizante: além de proteger a pele, eles cobrem as imperfeições para situações de emergência.

Como prevenir o aparecimento de celulite

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*