Home / Saúde / Cientistas descobrem tratamento natural para a perda da visão pela idade

Cientistas descobrem tratamento natural para a perda da visão pela idade

Um grupo de cientistas italianos descobriu que o açafrão-da terra (ou cúrcuma) pode ajudar a evitar e a curar a perda da visão pela degeneração macular, problema que se relaciona com a idade.

A mácula é uma pequena área da retina, localizada bem no centro do olho, responsável pela visão detalhada.

Com o avançar da idade, muitas pessoas acabam sofrendo uma degeneração macular, o que resulta na cegueira.

Na verdade,  a perda da visão ocorre gradualmente, após a degeneração.

Para você ter ideia, esse problema é muito mais comum do que o glaucoma e a catarata.

A causa principal é a genética, mas os fumantes precisam ficar atentos, pois a nicotina pode desencadear o problema.

Felizmente, podemos contar com um tempero incrível, capaz de tratar a degeneração.

Trata-se do milagroso açafrão.

Pesquisadores italianos fizeram uma experiência com voluntários feitas com voluntários que consumiram 20 miligramas de açafrão diariamente, durante 3 meses, melhorou significativamente.

Além de ser antioxidante, o açafrão aumenta a quantidade de oxigênio no corpo e evita a morte das células.

O tempero atua beneficamente no sistema nervoso e, por isso, pode evitar muitas doenças oculares, especialmente a degeneração macular.

Ele contém safranal, composto que reduz o processo de degeneração das células que recebem a luz e melhora as funções de vasos sanguíneos do olho e a retina.

COMO CONSUMIR

Beba diarimente um copo de açafrão (1 colher de chá) com água para evitar a cegueira e proteger as células que compõem a visão.

O ideal é adicionar uma pitada de pimenta-do-reino moída na hora para melhorar a absorção do açafrão.

A receita funciona graças ao teor de antioxidantes presentes no tempero.

Você vai perceber que, após consumir diariamente a água de açafrão, sua visão ficará melhor.

Experimente!

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.