Home / Saúde / Receitas caseiras para acabar com aftas

Receitas caseiras para acabar com aftas

 Receitas caseiras para acabar com aftas 

As aftas são úlceras ou feridas abertas que aparecem na boca devido a alguns problemas estomacais ou episódios de febre, são muito dolorosas e, aqueles que sofrem desse problema com frequência, podem apresentar desde pequenas manchas até grandes e dolorosas protuberâncias nos lábios, gengivas, língua ou no céu da boca. Esta condição causa febres e um mal estar geral.

Neste artigo, falaremos sobre como combater estas incômodas feridas utilizando simples remédios caseiros.

A aloe vera ou babosa

A babosa é muito recomendada para este tipo de doença, os benefícios proporcionados por esta planta são muito importantes, pois logo na primeira aplicação é capaz de eliminar o incômodo provocado pelas feridas.

Preparar o remédio é muito fácil: abra a folha da planta e retire o gel contido, também chamado “cristal de babosa“, misture com água morna batendo muito bem e utilize como enxaguante bucal. É um remédio perfeito para acabar com as feridas em pouquíssimo tempo.

Aftas-500x290

LEIA TAMBÉM

Enxaguante bucal caseiro

Como o que desejamos é acabar com este problema o mais rápido possível, a solução será preparar um enxaguante bucal caseiro, o qual é muito simples de se fazer: pegue 1/2 copo de água, adicione uma colher debicarbonato de sódio e um pouco de água oxigenada, misture tudo muito bem e enxague a boca pelo menos 4 vezes ao dia. Logo notará os bons resultados.

Uma solução bem salgada

Este remédio é indicado apenas para pessoas corajosas de verdade, pois arderá bastante. Se você puder suportar o ardor de um enxague feito com água e sal, será ótimo. Porém, se você quiser que a afta desapareça em menos tempo, coloque um pouco de sal diretamente sobre a ferida e a sua recuperação será bem mais rápida.

O gelo

Lembre-se que o gelo serve para reduzir as inflamações e adormecer regiões dolorosas, por isso também é recomendado para o problema. Coloque o gelo dentro de um pano limpo e aplique sobre o local afetado, assim, a dor diminuirá um pouco.

Você deve ficar atento a qualquer tipo de ferida que tenha na boca. Lembre-se: as aftas são muito comuns, mas costumam desaparecer em poucos dias.Se notar que uma ferida dura mais de dez dias, não dói e é muito recorrente, procure ajuda médica de imediato, pois pode se tratar de um câncer oral.

A correta higiene bucal é muito importante para prevenir este tipo de lesão, a escovação dos dentes pelo menos três vezes ao dia, o enxágue bucal e o uso de fio dental são condutas saudáveis, que você deve inculcar nas crianças muito pequenas, para prevenir este tipo de situação.

Outro aspecto muito importante para prevenir estas incômodas e dolorosas feridas na boca é mudar a escova de dente todo mês. Se você usa prótese, procure criar uma rotina diária, como a seguinte: deixe no seu quarto um copo com água com cinco gotas de cloro e no momento em que for dormir, coloque a prótese no copo, desta maneira, a manterá desinfectada e o aparecimento de feridas na boca será menos frequente.

O que é Afta?

Afta é uma ferida e dolorosa na boca, que costumam ser brancas ou amareladas, rodeadas por uma área vermelha brilhante, e surgem geralmente na língua e nas paredes internas da boca.

Fatores de risco

Qualquer pessoa pode desenvolver aftas, mas alguns fatores podem contribuir para o surgimento dessas feridas. Veja:

  • Idade: bebês e crianças pequenas costumam apresentar afta com mais frequência do que pessoas mais velhas
  • Imunidade baixa: algumas doenças ou medicamentos podem comprometer o sistema imunológico e, assim, facilitar a ação do fungo que provoca aftas
  • Próteses bucais: pessoas que usam dentaduras tendem a apresentar mais aftas também
  • Problemas de saúde: outras complicações podem ajudar no surgimento de aftas, como diabetes e anemia
  • Medicamentos: o uso de determinados tipos de medicamentos podem comprometer a imunidade e contribuir para o aparecimento de aftas na boca, como alguns antibióticos e corticosteroides
  • Câncer: o tratamento da maioria dos tipos de câncer costuma ser bastante invasivo. Métodos como quimioterapia e radioterapia costumam comprometer a imunidade também
  • Boca seca: doenças como xerostomia deixam a boca anormalmente seca, o que ajuda na proliferação do fungo causador da afta
  • Fumo: o consumo de cigarro também pode provocar afta
  • Histórico familiar: aftas também podem ser hereditárias.