Home / Cabelo / O que é o removedor de progressiva

O que é o removedor de progressiva

O que é o removedor de progressiva

O removedor de escova progressiva devolve os cachos ao cabelo, mas também pode causar danos nos fios. O que tem no potinho é, na verdade, um velho conhecido dos fios de cabelo. O tioglicolato de amônia já foi muito usado para fazer permanente e mesmo para alisar as madeixas.

Recentemente foi lançado um produto para remover o efeito esticado da escova progressiva. Boa notícia para elas, que ganham mais uma opção para fazerem o que bem entender com os próprios cabelos. Mas antes de fazer este tratamento, o ideal é saber exatamente como ele atua nos fios.

Todo tipo de química abre as cutículas do cabelo e, consequentemente, remove outros tratamentos químicos que estavam previamente nos fios. ‘Quando você faz a escova definitiva depois da tintura, por exemplo, há o risco da cor desbotar ou mesmo mudar’. Por isso o tioglicolato de amônia é capaz de remover a escova progressiva

Como age

o procedimento para remover a escova progressiva feito em cabeleireiro é realizado com a aplicação do produto e posterior ‘enrolamento’ dos fios com acessórios específicos. A dermatologista explica que essa técnica nada mais é que o bom e velho permanente, comum nos anos 80 e 90.

Como voltar a ter cabelo cacheado após a progressiva

Opção 1: hidratar, cortar e disfarçar

Nenhum método é tão eficaz e seguro para eliminar o alisamento quanto o composto por esse trio. Mas é preciso ter muita paciência. Serão pelo menos seis meses de tratamento em casa com visitas mensais ao salão.

Opção 2: amônia para retirar a progressiva

Se a vontade de voltar a ser cacheada por muito grande, você pode tentar usar o Hydra Clear, da Bien Cosméticos, que acaba de chegar ao mercado.

A amônia, principal componente do produto, penetra na fibra capilar através de pequenas fissuras. Ali eles destroem a capa feita pelo formol e a carbocisteína, usados na maioria das progressivas. A promessa da marca é devolver de 60% a 80% da ondulação natural. Se uma aplicação não for suficiente, é preciso esperar no mínimo duas semanas para usar o produto novamente.

REMOVEDOR DE PROGRESSIVA

Com a capa removida, os danos da química vão aparecer. “Para ajudar na recuperação, é aplicada uma carga de queratina logo após o uso do Hydra Clear, seguida por um neutralizante e um ativador de cachos”, diz Robson Trindade, visagista da Red Team, de São Paulo.

Parece milagre, mas a amônia, responsável por romper a cápsula e o ácido mercaptotanóico, ativo que fecha a cutícula dos fios, também é agressiva e pode danificar ainda mais as mechas. “Dependendo do grau de ressecamento, o cabelo pode não resistir ao produto e quebrar”,  diz Eron Araújo, cabeleireiro do salão Blend, de São Paulo. Mesmo assim, se você quiser arriscar saiba que será preciso investir, sem economia, em reconstruções e nutrições para devolver brilho e maciez após o procedimento.