fbpx Scroll Top

Saúde

Infarto em mulheres: os sintomas são diferentes

Sintomas clássicos: são os mesmos que aparecem nos homens

  • Dor no peito em aperto, que pode irradiar para o braço esquerdo, o pescoço, a mandíbula, o estômago e até as costas
  • Náusea
  • Vômito
  • Suor frio
  • Desmaio

Sintomas atípicos: mais frequentes no sexo feminino

  • Enjoos
  • Falta de ar
  • Cansaço inexplicável
  • Desconforto no peito
  • Arritmia

INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE ➜ https://goo.gl/zajniC

Como surgem os sintomas

Não existe uma regra para a forma como os sinais do infarto dão as caras. Eles podem tanto se manifestar todos juntos como surgir separadamente. Isso quer dizer que a dor no peito, por exemplo, pode tanto vir acompanhada de suor frio ou vômito como aparecer sozinha.

1. Mulheres têm mais risco de infarto que homens?

Mito. As mulheres têm menores chances de ter infarto do que os homens, assim como têm menor risco de desenvolver doenças como diabetes, pressão alta e aterosclerose.

2. Mulheres têm maior risco de infarto após a menopausa?

Verdade. As mulheres mais jovens têm um risco menor de infarto que os homens, mas após os 45 anos e a menopausa, as chances de ter problemas cardíacos e outros problemas de saúde aumentam devido às alterações que acontecem nos hormônios.

3. Infarto causa sempre dor no peito?

Mito. O sintoma de dor no peito é mais comum nos homens, enquanto nas mulheres os principais sinais de infarto são cansaço, dificuldade para respirar, náuseas, vômitos, dor nas costas e na região do queixo e da garganta. Além disso, nem sempre o infarto provoca sintomas e muitas vezes só descoberto após o paciente ir para o hospital com mal estar, vômitos e tonturas.

4. Mulheres morrem mais de infarto do que homens.

Verdade. Como os sintomas de infarto na mulher costumam ser mais leves, elas demoram mais a identificar o problema e para pedir ajuda, o que aumenta o risco de morte e de complicações. Veja como é feito o tratamento do infarto.

5. O histórico familiar aumenta a chance de infarto?

Verdade. Tanto mulheres quanto homens têm maior chance de ter infarto quando existem parentes que também tiveram o mesmo problema ou que têm doenças como diabetes e colesterol alto.

6. Mulheres no peso certo não sofrem infarto.

Mito. Mesmo mulheres que estão dentro do peso adequado podem sofrer infartos, especialmente se não tiverem uma alimentação saudável, não praticarem atividade física, se forem fumantes e se usarem pílulas anticoncepcionais.

7. Ter histórico na família é garantia de também sofrer infarto.

Mito. Apesar de as chances de também ter um infarto serem maiores, mulheres com histórico familiar podem prevenir esse problema mantendo um estilo de vida saudável ao fazer uma alimentação equilibrada, controlar o peso, praticar atividade física regularmente e evitar doenças como colesterol alto, diabetes e hipertensão.

INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE ➜ https://goo.gl/zajniC

zh09

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.