Home / Cabelo / Receita de condicionador caseiro que trata e recupera os cabelos

Receita de condicionador caseiro que trata e recupera os cabelos

Já publicamos algumas receita de xampus naturais,
Faltava publicar uma de condicionador.
Hoje estamos trazendo uma maravilhosa receita de condicionador caseiro.
E o termo “maravilhoso” não é exagerado, pode confiar.
Usamos este condicionador no nosso cabelo e ficamos impressionados com o resultado.
Instanteamente – sem exagero – sentimos a ação do condicionador e a melhora do estado dos fios.

Muito bom mesmo!

E não poderia ser diferente, pois ele leva ingredientes que, quando usados no cabelo, fazem maravilhas.

Quais são esses ingredientes?

O alecrim, a babosa, a camomila, o mel e o vinagre de maçã.

Pesquise sobre cada um deles e verá como são poderosos em tratamentos capilares.

Imagine os cinco reunidos na mesma receita!

Com certeza, produzirão ótimos resultados.

E você vai comprovar isso agora com este condicionador.

Veja como é fácil a preparação dele:

LEIA TAMBÉM

INGREDIENTES

1 colher (sopa) de camomila seca

5 raminhos de alecrim fresco ou 1 colher (sopa) de alecrim seco

2 colheres (sopa) do gel de babosa (descasque e tira o gel com a colher)

2 xícaras de água fervida

2 colheres (sopa) de mel

1 colher (sopa) de vinagre de maçã

MODO DE PREPARO

Ferva a água e adicione o alecrim e a camomila.

Tampe a panela e deixe o chá esfriar.

Quando o chá ficar na temperatura ambiente, coloque o gel de babosa e o mel no liquidificador e bata até formar uma pasta homogênea.

Adicione a essa pasta o chá das ervas (já na temperatura ambiente!) e o vinagre de maçã e bata tudo muito bem.

O condicionador está pronto.

A etapa seguinte é o armazenamento.

Recomendamos lavar um frasco de xampu ou condicionador usado, secar bem e pôr o seu condicionador caseiro nele.

Você vai usá-lo como os outros condicionadores.

Ou seja, depois que tiver aplicado o seu xampu e já enxaguado os cabelos, aplique o condicionador.

Espere alguns minutos e enxágue bem.

A validade dele varia do local (se quente, se frio, se temperatura moderada).

Mas ele resiste bem a uns 30 dias, no mínimo.