Scroll Top

Saúde

10 fatores que podem prejudicar os rins

Os rins são órgãos essenciais para a vida, pois são os responsáveis por filtrar o sangue e liberar determinados hormônios. É importante que se saiba identificar quais são os hábitos que podem prejudicar os rins e combatê-los adequadamente, com mudanças no estilo de vida.

10 fatores que podem prejudicar os rins

Os rins, quando recebem constante sobrecarga tendem a funcionar mal com o passar do tempo. Em casos mais agudos tornam-se inoperantes e o paciente pode ter que se submeter a sessões de hemodiálise. Portanto, é muito importante cuidar bem desse componente vital do corpo, a partir de mudança de hábitos e evitando práticas que possam prejudicar os rins com o decorrer do tempo.

1. Beber pouca água

O meio pelo qual o rim elimina as toxinas é a urina. Se você bebe pouca água, o rim terá mais dificuldades para eliminar as toxinas, além de aumentar o risco de cálculo renal. Portanto, lembre-se de ingerir água frequentemente, principalmente no frio, quando não dá muita vontade de se hidratar.

2. Prender urina

Segurar a urina por um longo período é bastante prejudicial para os rins, pois eles terão que trabalhar muito mais para eliminar as toxinas acumuladas no corpo, por conta do armazenamento de ácido úrico. Vale lembrar que esse ato aumenta a concentração desse ácido no organismo, o que pode gerar doenças, como a gota.

3. Excesso de sódio

O consumo excessivo de sal pode causar problemas renais. Isso acontece em consequência da concentração de sódio na urina, essa substância pode causar cálculos renais pois a sua presença é inversamente proporcional à concentração de água.

Além disso, pode causar hipertensão arterial, o que também é prejudicial aos rins. Aconselha-se a consumir sal com moderação, além de evitar comidas industrializadas e bebidas diet que tenham em sua fórmula alta concentração de sódio.

4. Excesso de cafeína

Muitas pessoas preferem matar a sede consumindo refrigerantes ricos em cafeína, como as colas, ou então são adeptas daqueles cafezinhos ou até mesmo do chá verde. A cafeína em excesso aumenta a pressão arterial, sobrecarregando os rins, podendo, com o tempo, afetá-los de forma irreversível.

5. Abusar de anti-inflamatórios

Em excesso, eles podem provocar a redução da filtração renal, já que também são processados por esse órgão. Em pessoas sadias, esse problema tende a ser minimizado, mas pode ser bastante prejudicial àqueles que já apresentam alguma insuficiência renal. Os anti-inflamatórios só devem ser consumidos sob orientação do médico.

 7 Hábitos Comuns que Podem Prejudicar seus Rins-2

6. Excesso de proteína

Carnes vermelhas e outros alimentos ricos em proteína são importantes para a saúde muscular e para outras funções. Porém, o consumo em excesso não é aconselhável para a saúde dos rins.

Um dos riscos potenciais de uma dieta hiperproteica é o aumento dos níveis de ácido úrico. Também se sabe que um elevado consumo de proteínas pode provocar a formação de cálculos renais.

7. Consumir álcool

O consumo exagerado e constante de álcool pode contribuir para uma futura insuficiência renal crônica. Não é preciso deixar de beber em casos pontuais, mas tome cuidado com o excesso. Afinal, o etanol presente nessas bebidas afeta diretamente os rins, além de outros órgãos com altos índices de vascularização, conforme afirma o Instituto de Nefrologia.

8. Beber refrigerantes

Assim, como as bebidas alcoólicas, o refrigerante também promove males para os rins. Eles possuem um alto teor de açúcares por conta do uso de adoçantes artificiais, além de ser fabricado com fosfatos e sódio, um dos responsáveis por propiciar a insuficiência renal.

Vale destacar que o refrigerante também promove a desidratação do organismo, necessitando de maior quantidade de água bebida posteriormente para tentar amenizar os danos.

9. Utilizar anabolizantes

O uso de anabolizantes geralmente é feito por quem busca uma mudança estética e ganho de massa muscular. Porém a utilização desse tipo de droga é extremamente perigosa para saúde, entre os males causados estão doenças que atacam a saúde renal, como a  Glomeruloesclerose segmentar e focal, enfermidade gerada pelo endurecimento de algumas células presentes nos rins.

10. Excesso de alimentos ricos em oxalato

Os alimentos ricos em oxalato são os responsáveis pela formação das pedras dos rins, como amendoim, espinafre, beterraba, chocolate, chá preto e batata doce. Uma dica para reduzir as probabilidades de se ter pedra nos rins é aliar fontes de cálcio, quando for ingerir uma fonte de oxalato, para que ambos façam ligações entre si e não se forme as pedras.

Compartilhe esses hábitos que podem prejudicar os rins e ajude na conscientização!

Inscreva-se aqui Receba artigos e dicas imperdíveis

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.